O que você esperaria de uma mulher linda e com um apelido delicado como esse? Pois é, a paulistana de quem estamos falando finaliza a sua parte sensível por aí. Descendente de mexicanos e criada no bairro do Morumbi, a artista leva para as ruas de São Paulo o seu traço forte inspirado na mitologia Maia e Asteca.

Mesmo formada em Artes Plásticas, o caminho e talento de Fefe Tavalera foi melhor desenvolvido nas ruas cinzas da capital paulista, onde teve a possibilidade de trabalhar com grandes nomes da cena atual, como Stephan Doischinoff e Carlos Dias, além de receber a admiração dos irmãos Os Gêmeos.

Mesmo o graffiti ainda sendo um ambiente muito masculino, a moça acabou ganhando respeito e visibilidade através do hábito de expor as suas obras no Flickr e Fotolog. Esta interação virtual com o público certamente serviu para fortalecer e consolidar o seu trabalho. Prova disso são as suas inúmeras exposições, tanto em solo brasileiro como pelo mundo afora.

Seu estilo, com forte influência mexicana, é facilmente identificado por meio de monstros sombrios que povoam o mistério, o lado sombrio, a raiva, o medo, os sonhos e desejos da artista.

Sua obras, além do graffiti e algumas publicidades, são realizadas normalmente em nanquim, colagens ou até mesmo em scratches (ranhuras sobre vidro pintado).

E você, já viu algum trabalho da Fefe Tavalera por aí? Se estiver por SP, fique ligado e passe na Galeria Choque Cultural para apreciar o trabalho da artista e de outros grandes nomes da cena atual.