Todo dia conhecemos novos apaixonados por Converse, mas recentemente descobrimos que tem gente que mesmo quando não está calçando um dos nossos modelos, continua com eles no corpo. Estamos falando do americano Danny Corrales aka @coolsideburns, que resolveu tatuar o logo do Chuck Taylor no seu tornozelo!

Ficamos muito curiosos e fomos trocar uma ideia com ele pra conhecer um pouco mais desse diretor de arte de Los Angeles e entender o motivo da tatuagem.

Nascido em Miami e, atualmente, trabalhando em agência de publicidade em Los Angeles, o americano nos contou como surgiu o seu amor pelos tênis mais conhecidos do mundo.

Fale um pouco mais de você. O que você faz?

Eu sou diretor criativo em uma agência de publicidade de Los Angeles e também atuo como freelancer. Eu trabalho exaustivamente, mas sempre que posso eu pinto e desenho bastante. Cresci fazendo graffiti em Miami, e de vez em quando eu ainda saio para as ruas para pintar.

Quando você comprou o seu primeiro Converse?

Foi no ano de 1986. Quando eu estava crescendo, minha família enfrentava problemas financeiros e o Chuck Taylor era o único tênis que o meu pai podia comprar para eu usar na escola. Enquanto todos os meus amigos, tanto na escola quanto na vizinhança, usavam os modelos de basquete inspirados em Michael Jordan, eu não tinha escolha a não ser usar os meus desgastados Converse. Mas sabe de uma coisa? Eu adorava isso!

Quantos Converse você tem?

Eu tenho atualmente mais de 150 pares. Todos os estilos e cores. Principalmente All Stars, One Star e alguns Jack Purcell. Desde os mais simples até os de cano alto mais elaborados. Mas eu ainda não tenho o suficiente, quero muito mais. Hoje na minha casa eu tenho dois armários exclusivos para guardá-los.

E a tatuagem, de onde veio essa idéia?

Eu tinha vontade de fazer essa tatuagem há muitos anos. Eu costumava dizer aos meus amigos que um dia gostaria de provar o meu amor pelos All Stars, tatuando o logo em meus tornozelos. Nenhum dos meus amigos acreditava que eu iria fazê-lo. Então um dia eu acordei e decidi que aquele era o momento certo para isso. Fui lá e fiz.

E o que a Converse significa para você?

Eu amo Converse. Eu adoro Chuck Taylors. Eles fazem parte do estilo clássico totalmente americano. Nada chega perto de sua simplicidade e atemporalidade. Eles ficam muito bem com jeans, camiseta e uma jaqueta de couro, ou até mesmo um terno. Eles não mudaram muito desde a década de 1930. Eles são perfeitos. Como profissional, eu amo a marca em geral. Poucas marcas podem comandar uma presença na cultura pop e despertar uma lealdade incrível. Ela tem sido uma parte da nossa história ao longo de décadas. Por exemplo, basta olhar para a música: o Rock, Punk, Rockabilly, Grunge, Rap. Todo mundo usa Converse. Todo mundo ama. Eles sempre foram legais e sempre serão.

Bom, com tamanha lealdade, nós declaramos Danny Corrales como um dos nossos maiores fãs ou será que existe algum brasileiro que supere essa marca? Manifeste-se!