Converse Shots: Fernando Schlaepfer

Não dá pra falar em moda e comportamento sem falar em Fernando Schlaepfer, nosso convidado no Shots desse mês. O cara tem uma baita carreira: é fundador do I Hate Flash, fotografa profissionalmente há 10 anos, já trabalhou para várias marcas de moda e por um monte de países, como Japão, Inglaterra, Estados Unidos e França.

É de aplaudir né? Então se liga nas fotos. São animais:




















Converse Shots: Mario Arruda

Mario Arruda é um daqueles caras com vários projetos legais e fotos analógicas geniais. E é também nosso escolhido do mês para o Converse Shots! O cara fotografa há mais de 2 anos e é um dos nomes por trás do Camera Dynamite, um projeto que reúne fotógrafos do mundo todo que compartilham da estética “wild and supertense”, estética que Mario e Mateus Bazzo criaram a partir da própria produção e da observação do que mais gostavam na fotografia contemporânea. Em breve o Camera Dynamite lançará seu primeiro fanzine.

Em 2011 Mario começou a fotografar qualquer coisa que surgia na sua cabeça e não só o que enxergava com os olhos, e dá pra perceber muito bem em suas fotos toda a nonsense da pessoal. Além do Camera Dynamite  o cara mantém mais alguns blogs como o Ovos e Llamas e é DJ. Vamos conferir um pouco desse trabalho?

A vida como ela é

Se falarmos que no Canadá existe um homem que ao invés de escrever em seu diário/blog prefere fotografar a sua vida há 13 anos sem parar, seria surpreendente? Ficamos sem respostas. Entretanto, as 4748 fotos tiradas entre o primeiro dia do ano de 2009 até o último de 2011 nos mostram uma realidade totalmente diferente.

Entre altos e baixos, o canadense de Toronto Jeff Harris resolveu que em vez de fotografar uma vida mundana, as suas imagens iriam refletir situações e momentos interessantes. Foi aquela velha máxima mesmo: ele resolver sair e viver a vida. Do jeito que deu, é claro:

Mas, em 2008, Jeff Harris foi diagnosticado com câncer a partir de um pé fraturado após saltar de duas caixas de som (como se fosse um rock star mesmo). Sua perna esquerda sofreu paralisia permanente e o artista começou a sua luta, sempre retratando os altos e baixos da sua vida.

Durante o tratamento, o projeto artístico serviu como terapia. Quando estava perdendo o controle do corpo em função da doença, as imagens serviram para mostrar que ele ainda tinha forças e poderia controlar algo, nem que fosse a sua câmera.

E quando não podia fotografar, o primeiro que aparecesse (incluindo famosos) recebia um pedido impossível de ser negado: “por favor, você pode tirar uma foto minha?”. Quem consegue dizer não numa situação dessas?

A nossa dica é a seguinte: o site de Harris é atualizado uma vez por mês e, geralmente, na primeira semana as fotos dos 30 dias anteriores são postadas. Um detalhe: todas as imagens são registradas com máquinas analógicas. Já a dica do Harris é: “o registro fotográfico do dia-a-dia é um desafio de viver uma vida mais plena”.

Converse Shots: Hick Duarte

Nosso convidado na coluna Converse Shots desse mês não é só fotógrafo, mas também videomaker e jornalista. Seu nome é Hick Duarte, e além de artista, o cara também é um dos fundadores do Fiesta Intruders, portal mineiro que concentra coberturas fotográficas de festas, shows e festivais pelo país, além de blogs sobre música, moda, cultura urbana e design. E mais: ele trabalha como diretor de programação e comunicação do 185, casa noturna recém-inaugurada em Uberlândia e é editor do Move That Jukebox. Isso é que é tá bem, né?

Pra hoje eles nos enviou algumas das fotos que já fez nessas andanças pelas festas e shows de todo país. Bora conferir?